Para receber atualizações e novidades:

Blog

Entrevista com a personal organizer: Rosana Campos

20 de Agosto de 2018 Kalinka Carvalho

A entrevistada de hoje é Rosana Campos. Ela é personal organizer, concierge e palestrante. Ela tem como diferencial sua habilidade em técnicas de relacionamento com o cliente, prezando sempre pela excelência no atendimento, inclusive oferece cursos nessa área. Outro diferencial é o workshop infantil onde ensina crianças a se orgnizarem de maneira lúdica e divertida. Ainda oferece os serviços de personal organizer, personal shopper, organizaçāo de mudanças, rotinas, recém-casados, ambientes e treinamento de empregados. 

 

Rosana Campos, ex-executiva do Grupo Pão de Açúcar e palestrante internacional. Fundadora da empresa Mundo da Organização by Ro Campos, palestrante, consultora e digital influencer. Atualmente atende projetos de organização apenas por indicação, pois está se dedicando a  introduzir a organização ao maior número de pessoas possível, independente de serem clientes pagantes ou não.  Mercadóloga de formação, acredita que o maior tesouro do ser humano é a relação interpessoal. “Vivemos em um mundo de leões, seja um leão nos negócios, mas com a cordialidade e a bondade  de um Splitz Alemão Anão com as pessoas as quais se relaciona “.  Pioneira em ministrar Workshops para crianças de 3 a 10 anos, acredita na imensa capacidade de absolvição dos pequenos.  “ O intuito é transformá-los em pequenos organizados e consequentemente adultos mais felizes e realizados” diz Rosana. 

 

 

1. Kalinka: O que é uma Personal Organizer?

Rosana: Personal Organizer é um Profissional que, executa seu trabalho aplicando técnicas e metodologia especificas. Um Personal Organizer,  não analisa só os ambientes, mas sim tudo que envolve o dia a dia de nossos clientes, claro que, dentro daquilo que nos foi solicitado.  A missão de todo e qualquer Personal Organizer é executar seus serviços otimizando tempo e espaço, proporcionando uma vida muito mais harmoniosa e feliz aos nossos Clientes.

 

 

2. Kalinka: Como funciona o trabalho de uma Personal Organizer?

Rosana: Antes de elaborar qualquer orçamento ou projeto, é preciso conhecer o Cliente e suas reais necessidades. Cada projeto é único, sempre obedecendo critérios e técnicas de Organização, mas em hipótese alguma impor sua opinião. As preferências do cliente  devem ser respeitadas, e o nosso papel é adequa-las ao projeto.

Foto: Arquivo Pessoal Rosana

 

 

3. Kalinka: Quem são as pessoas que precisam de um Personal Organizer? 

Rosana: Todos! Hoje, vivemos com 2, 3 ou 4 jornadas e tudo fica muito mais fácil quando se tem ajuda. Não é preciso ser alguém mega desorganizado ou que tenha uma “bagunça” sem limites para contratar um Personal Organizer. Muitos fatores são relevantes, desde a falta de tempo até a falta de facilidade/intimidade com certa tarefa. No final das contas, o essencial é ter mais qualidade de vida e ser ainda mais feliz, e este é um dos motivos de se contratar um Personal Organizer.

 

4. Kalinka A quanto tempo você trabalha como personal organizer? Porque resolveu ser personal organizer? O que mais gosta de organizar?

Rosana: Fiz o primeiro curso em meados de 2015, trabalhava “timidamente” na área, porém somente em junho de 2016, comecei a trabalhar mais intensamente, me dedicando somente ao trabalho de organização. Fiquei por 20 anos na área corpotativa, mas como a gravidez de minha última filha foi de risco precisei sair. Trabalhando desde os 14 anos, seria impossível me limitar a uma vida de dona de casa, então usei aquilo que todos mais me criticavam para continuar trabalhando… meu perfeccionismo e o meu famoso “toc”(acho que a maioria dos profissionais de organização ja foram vistos como portadores de toc,  rsrs) Eu amo organizar residência e adoro mesa posta, pequenas recepções. Faço tudo com maestria. 

Foto: Arquivo Pessoal Rosana

 

5. Kalinka: O que é necessário para se tornar uma personal organizer? 

Rosana: Ao contrário do que pensam, acredito que você não tem a obrigatoriedade de ter nascido uma pessoa organizada, basta ser simpatizante com a causa. Conheço caso de pessoas que sempre foram desorganizadas e que hoje são excelentes profissionais. Basta você estar disposto e se especializar, é claro! Sua habilidade/ facilidade vai determinar os cursos e treinamentos que você deverá fazer.

 

 

6. Kalinka: Onde atua o personal organizer? Há mercado para a profissão? Como é cobrado o valor? 

Rosana: As áreas de atuação são imensas e crescem cada dia mais. Desde residências completas, grandes ou pequenas empresas, acompanhar uma futura mamãe desde o inicio da gravidez até o nascimento do bebe, acompanhar a transição de um idoso, quando ele não poderá mais estar sozinho, até quando se perde um ente querido no pós morte. E se olharmos em todos os âmbitos de nossa vida, ter um PersonalOrganizer , muitas vezes é essencial. Eu trabalho com projetos, cada projeto tem um valor de acordo com o que deve ser realizado, não por ambientes, ou seja podemos ter o mesmo armário com 3 portas e 4 gavetas e os valores com certeza serão diferentes. Todos os projetos são personalizados, automaticamente todos possuem valores diferenciados.

 

 

7. Kalinka: Cite 3 coisas boas e 3 ruins de ser uma personal organizer?

Rosana: As coisas maravilhosas que temos:

- Saber que deixei alguém mais feliz, realizado, ver nos olhos de meus clientes aquele brilho verdadeiro. Acaba sendo o maior pagamento que poderia ter

- Nuca ter a mesma rotina, cada dia em um local diferente, pessoas, hábitos... Tudo diferente, nunca repetir o mesmo dia , isso para mim é fantástico

- Poder participar mais da vida de meus filhos, meu marido, curtir mais a minha casa, pois entre um projeto e outro sempre tenho um tempo pra me dedicar 100% a eles . Após 20 anos de área corporativa, isso pra mim é de suma importância para o meu bem estar.

No meu caso, não consigo elencar três coisas ruins, porém gostaria de ressaltar que, apesar de todo esse “glamour” que a maioria passa,, ser Personal Organizer não é uma tarefa fácil, muitas vezes (a maioria), é um trabalho pesado. Descer, subir de escadas, muitas vezes pegar itens pesados em grandes alturas, abaixar levantar varias vezes ao dia… Sou suspeita, porque amo ser Personal Organizer e graças a Deus, só tive boas experiências.

 

 

8. Kalinka: Dê alguma dica de organização ou conselho para nossos leitores: 

Rosana: Tenho duas que são essenciais;

- Primeiro não acumule aquilo que não vai usar, opte por compras concientes, pense bem antes de adquirir coisas que muitas vezes, culminam na desorganização;

- Pratique a organização pessoal. Todo final de semana ja faz o seu cronograma da semana seguinte e sempre deixa uma “folguinha” para possíveis contratempos

Foto: Arquivo Pessoal Rosana

 

 

9. Kalinka: Indique algum produto de organização que acha essencial ter:

Rosana: Poderia citar vários, mas um que, acredito ser essencial e não vivo sem…um caderno ou agenda, isso mesmo até gosto de tecnologia, ms para mim tudo tem que estar escrito para não se perder em nada. E dica, nunca confie em sua memória, a correria do dia a dia muitas vezes, faz esquecermos até mesmo de ir ao banheiro rsrs

 

Veja seu workshop na ABUP 2018 no stand da Arthi:

 

 

Conheça o trabalho de Rosana:

http://www.rocampos.com.br/

Tel: (11) 99644-9956

E-mail: mundodaorganização@rocampos.com.br 

Facebook

Instagram

Youtube

Assinatura