01

6 dicas práticas para organizar a casa nova

sexta-feira, 24 de setembro de 2021

Freepik

Muitas pessoas ainda têm dificuldade em organizar a casa nova. Isso acontece, muitas vezes, porque depois de uma mudança há um trabalho maior para ser realizado, e é bastante complicado reorganizar toda sua vida e todos os seus itens. Entretanto, esse tipo de ação é muito importante para que você tenha mais tranquilidade e consiga aproveitar mais o seu tempo e a forma como utilizará a casa. Ou seja, quanto mais organizado estiver o seu espaço, melhor. Ademais, esse tipo de ação é muito importante para você conseguir trabalhar com mais efetividade, muitas vezes contando com o apoio do serviço de uma empresa de construção e reforma, isso porque todos os objetos estarão no lugar ideal.

Normalmente, quando você faz uma mudança, esse trabalho aumenta consideravelmente. Afinal, antes da mudança você precisa separar e embalar todos os itens de sua casa, e depois fazer o processo inverso quando todos os materiais estiverem na casa nova. Entretanto, é possível se adaptar para conseguir fazer um bom processo de mudança, conseguindo um resultado muito mais adequado a seu gosto, principalmente para você manter a decoração que escolheu para cada ambiente. Deixar caixas espalhadas pela casa deixa uma impressão de desorganização e falta de cuidado. Assim, esse tipo de ação precisa de atenção especial e você deve buscar resultados cada vez mais satisfatórios para essa movimentação de itens. Assim, logo sua casa estará com todos os elementos em ordem, itens guardados em seus lugares corretos, como o seu climatizador evaporativo no canto da sala, e sua decoração completa, dando uma cara muito mais real para o imóvel. É importante reforçar que esse processo começa antes mesmo de sua chegada no novo imóvel, uma vez que você precisa se atentar a alguns elementos importantes para conseguir um processo de mudança muito mais rápido e inteligente.

 

1) Identifique quanto espaço você tem:

O primeiro passo é identificar o espaço da casa nova, e se ele é maior, menor ou similar ao da atual. Assim, você consegue pensar com antecedência em quais itens devem ir e o que deve ser deixado de lado. Muitas vezes, o desapego deve falar mais alto em um processo de mudança, para que você possa aproveitar os itens que realmente farão diferença, bem como para você trabalhar de maneira mais inclusiva com seu projeto de paisagismo de alto padrão ou outras frentes. Quando você olha todos os seus móveis e outros materiais, consegue ter uma visão mais ampla de todas as coisas que possui. Assim, você pode se organizar para:

  • Consertar;

  • Doar;

  • Guardar;

  • Utilizar;

  • Decorar.

Todas estas ações são muito importantes para você definir como seu imóvel será tratado, uma vez que ele precisa de uma atenção especial para que você consiga utilizá-lo de maneira efetiva, sem entulhar itens e acabar ficando com o novo espaço desorganizado.

 

 

2) Entenda como funciona o imóvel:

Existem algumas ações que precisam ser realizadas antes de você chegar com a mudança, para que consiga ter um processo tranquilo e possa lidar com detalhes importantes, como a instalação de câmera de monitoramento, evitando problemas no dia da mudança. O primeiro passo, no caso de um apartamento, é verificar os dias e horários permitidos para a mudança. Dessa maneira, você não começa sua vida no novo imóvel tendo problemas com vizinhos. Além disso, é importante identificar se a altura do portão da garagem é compatível com o caminhão de mudanças, para você decidir contratar ou não auxiliares para levarem as caixas e objetos para dentro.

Em alguns casos, é preciso avisar com antecedência o dia da mudança, para que sejam colocados protetores nos elevadores e outros recursos para auxiliar no processo de maneira tranquila e sem precisar se estressar com isso. Ademais, caso você deseje ter um registro dessa solicitação, o que é bem importante, o ideal é fazê-la por escrito. Ao enviar um e-mail ou uma mensagem de texto para o síndico, você garante que essa comunicação ficou registrada e evita problemas no dia da mudança, principalmente em casos de reforma, como a instalação de portas acústicas ou outras ações.

 

3) Tenha atenção aos serviços básicos:

Também é importante se atentar a alguns serviços básicos quando estiver organizando sua mudança. Você não quer ser pego de surpresa no dia de arrumar o imóvel com um apartamento sem energia, água ou outros detalhes importantes. Por isso, é importante resolver toda e qualquer pendência relacionada à infraestrutura básica da habitação antes de iniciar o processo de mudança, garantindo assim mais tranquilidade quando você estiver se adaptando ao novo espaço. Além disso, é importante verificar tomadas e pontos de água para saber onde colocar seus equipamentos e eletrodomésticos, garantindo uma estrutura mais qualificada para sua residência com um serviço de automação para os itens. Quanto mais você trabalhar com estes recursos, melhor preparado estará quando terminar sua mudança e estiver pronto para organizar a casa e deixá-la exatamente do jeito que você planejou no começo do processo. Esse tipo de manutenção básica é importante, uma vez que pode ser muito mais complicado lidar com a manutenção destas situações depois que a mudança tiver sido completada, já que envolverá mexer em móveis e reorganizar a casa novamente.

 

 

4) Mantenha a organização e o controle:

Quando o caminhão chega para pegar os objetos e levá-los para a nova casa, é preciso muita organização e controle para que você consiga lidar com os itens em questão. O ideal é que todas as caixas sejam demarcadas e colocadas de modo agrupado. Assim, você pode solicitar que elas sejam descarregadas da mesma maneira, garantindo uma segurança maior para as peças e evitando que conteúdos estraguem ao longo da mudança. Ainda assim, acidentes podem acontecer.Faça separação por cômodos para conseguir entender onde vai cada grupo de objetos, conseguindo lidar melhor com esse tipo de ação e organizando cada ambiente de forma singular, possibilitando mais ações. Inclusive, o ideal é ter muita organização na hora de empacotar e desempacotar itens durante a mudança. Uma boa maneira de utilizar seus recursos para conseguir trabalhar de maneira mais sossegada em um projeto estrutural de casas, bem como de organização, é separar por cores identificando os tipos de itens de cada caixa. Você pode usar canetas de cor diferentes, adesivos, tintas ou até caixas coloridas, garantindo que você saberá identificar facilmente os grupos que pertencem juntos. Assim, você saberá por onde começar a desempacotar, o que agiliza o trabalho. Além disso, não ficar perdido ajuda a acelerar esse processo e você conseguirá terminar muito antes do previsto, conseguindo aproveitar melhor o novo apartamento em pouco tempo e com uma estrutura de qualidade. Esse tipo de ação ajuda muito a fazer esse tipo de processo de maneira mais simples e prática, garantindo uma tranquilidade maior durante todo o processo.

 

 

5) Ao desempacotar, cuidado!

O processo de desempacotar seus objetos deve ser feito com cautela, garantindo o máximo possível de retorno para suas atividades. Esse tipo de ação depende do quanto a pessoa na organização conhece, por isso algumas vezes é válido procurar ajuda profissional. Uma pessoa que se especializa em organização consegue otimizar o tempo e trabalhar de maneira muito mais eficaz, garantindo assim que em pouco tempo você estará com todos os itens em ordem em seus cômodos. Resta fazer apenas uma conferência final e você estará pronto para aproveitar seu novo lar, sem precisar de estresse ou de retrabalho com esse tipo de atividade, aproveitando para conseguir ter mais tempo de tranquilidade após a mudança ser completada. Além disso, é comum que os objetos empacotados sujem ou fiquem com um acúmulo de poeira. Para conseguir lidar com esse tipo de ação, é importante separar todos os itens de cozinha, como talheres, louças e taças para uma lavagem antes de guardar.

 

 

6) Que tal montar um espaço home office?

Não se esqueça de dar uma atenção especial para a área separada para seu escritório, se você pretende utilizar um espaço para o trabalho em home office. Esse tipo de local demanda alguns itens especiais que podem ser separados de outros cômodos na mudança. Por isso, procure uma estrutura que deixe os itens principais para a execução de seu trabalho sempre à mão, como itens de papelaria, ferramentas de trabalho e itens de tecnologia. Dependendo da estrutura do imóvel, você pode até apostar no uso de um painel de energia solar, dessa forma, você acabará economizando no fim do mês, principalmente tendo em vista que durante o home office a conta tende a aumentar.

Freepik

 

Mudar-se pode ser bastante trabalhoso, mas você pode aproveitar este momento para criar um ambiente exatamente como você sempre quis. A organização de seus itens dará uma cara única para o imóvel, tornando-o muito mais próximo de um lar. Quanto mais você conseguir trabalhar com efetividade nestes elementos, mais fácil será esse processo, possibilitando uma série de modificações no imóvel, conseguindo otimizar seus espaços sem perder itens importantes para você.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Carregando os comentários...

Para receber atualizações e novidades

Redes Sociais

Aplicativo

iOS / iPhone: Toque no ícone e adicione na sua home.

Android: Toque na notificação que solicita a instalação do app.