01

Entrevista com a Personal Organizer: Aline Ceron Santa Dobra

sexta-feira, 08 de abril de 2022

Em comemoraçāo a entrada da ocupaçāo de personal organizer na CBO (Classificaçāo Brasileira de Ocupaçāo) e ao lançamento do dia Mundial da Organizaçāo, WOD 

 

Aline Ceron é formada em Comércio Exterior pela Universidade Paulista, atuou na área de Seguros de Bens e Pessoas por quase 15 anos. Em 2017 rendeu-se a sua grande paixão por Organização e tornou-se Personal Organizer pela OZ! Organize sua Vida. Fez vários cursos de especialização entre eles: Mudança Residencial pela OZ! Organize sua Vida, Baby Organizer pela Yru Organizer, Organização de Acervos e Organização de Closet Luxuoso por Paula Furlan. É associada a ANPOP (Associação Nacional de Profissionais de Organização e Produtividade) e participa de eventos do segmento. Fundou em 2018 a empresa Santa Dobra, especializada em organização profissional, que tem como foco a organização de ambientes residenciais através de projetos e consultorias personalizadas. Também ministra workshops e palestras de organização. É coautora do livro Bem Viva de Corpo e Alma, onde fala sobre organizar para viver com mais saúde.  Em 2022, inicia seus projetos presencias na Europa, especialmente em Portugal, onde vive atualmente.

 

 

1. Kalinka: O que é um (a) personal organizer?  

Aline: É uma profissional especializada em organização que leva transformação para os ambientes e para a vida pessoal através de um planejamento, um sistema.  Ele é capacitado a simplificar a rotina do cliente e da família através de soluções personalizadas e duradouras, com ganho de tempo e espaço.

 

 

2 Kalinka: Como funciona o trabalho de um (a) personal organizer?

Aline: O trabalho da profissional de organização é feito de acordo com as necessidades do cliente, através de projetos ou consultorias, aplicando técnicas que tornem a rotina mais leve e funcional.

 

 

3. Kalinka: Quem são as pessoas que precisam de um (a) personal organizer?

Aline: Acredito que todas as pessoas precisam da organização nas diversas fases da vida e esta necessidade de organizar pode surgir no momento de mudanças – seja uma mudança de casa ou pessoal. Mulheres com uma vida profissional intensa e sem tempo de planejar as demandas da casa; pessoas que têm um ou mais ambientes onde a bagunça é constante; situações onde há perdas pessoais como luto, transição de carreira ou a saída dos filhos de casa. Todas podem contar com a personal  organizer  para trazer soluções efetivas.

 

 

4. Kalinka: A quanto tempo você trabalha como personal organizer? Porque resolveu ser personal organizer? O que mais gosta de organizar?

Aline: Em 2017, após quase 15 anos atuando no mercado de seguros de bens e pessoas, me rendi à minha grande paixão por organização e me capacitei para esta nova profissão que tanto me faz feliz! Em 2018, criei a empresa Santa Dobra e tenho a certeza que esta mudança foi o meu salto de fé na vida profissional.  Inicio em 2022 uma nova etapa, atendendo presencialmente em Portugal, com planos de expandir para países vizinhos.

 

 

5. Kalinka: O que é necessário para se tornar um (a) personal organizer?

Aline: A capacitação profissional é fundamental assim como manter-se atualizada através de especializações, aprimoramento de técnicas e conceitos, participação em eventos da área. Discrição é essencial, assim como empatia, ética e respeito, afinal, adentramos a intimidade dos lares.

Fonte: Arquivo Pessoal 

 

 

6. Kalinka: Onde atua o personal organizer? Há mercado para a profissão? Como é cobrado o valor?

Aline: O profissional pode atuar em diversos segmentos: organização pessoal, residencial e corporativa, além de organização digital, luto, baby e tantos outros.  O valor pode ser cobrado por projeto ou diária e varia de acordo com o acervo do cliente, o tempo de planejamento e execução da organização.  Cada projeto é único e personalizado!

 

 

7. Kalinka: Cite 3 coisas boas e 3 ruins de ser um (a) personal organizer?

Aline: A melhor parte para mim é ver a transformação na vida dos clientes, o antes e depois da organização.  É saber que o cliente foi surpreendido positivamente, que fomos além de suas expectativas e que isso trouxe mudanças para sua vida. Ter uma rotina flexível, conhecer pessoas diferentes, com necessidades e hábitos diferentes, é fascinante! A parte ruim, eu acredito que seja a exigência do nosso corpo na execução do projeto. Não tem glamour: carregamos peso, tem sobe e desce de escada, mas tudo vale a pena para entregarmos o nosso melhor em cada projeto.

 

8. Kalinka:  Dê alguma dica de organização ou conselho para nossos leitores:

Aline: Organize sua vida. Isso lhe trará mais tempo e saúde para você priorizar o que realmente importa! O que não é visto não é usado: consuma com consciência, opte por peças de boa qualidade e deixe-as ao alcance do olhar para que elas sejam usadas com frequência.

Fonte: Arquivo Pessoal

 

 

9. Indique algum produto de organização que acha essencial ter:

Aline: Eu não classificaria como essencial, pois é possível organizar sem nenhum produto. No entanto, alguns deles facilitam muito a manutenção da organização: colmeias, cestos, potes herméticos e divisórias de gaveta.

 

 

www.santadobra.com

contato@santadobra.com

Instagram

Facebook

 

Obrigada pela sua participação, qualquer dúvida estou à disposição

Carregando os comentários...

Para receber atualizações e novidades

Redes Sociais

Aplicativo

iOS / iPhone: Toque no ícone e adicione na sua home.

Android: Toque na notificação que solicita a instalação do app.